EDUCAÇÃO - Governo anuncia obras para municípios do médio norte

São eles: Arenápolis, Barra do Bugres, Campo Novo, Denise, Diamantino, Nova Olímpia, Sapezal, São José do Rio Claro e Tangará


Escolas de pelo menos nove municípios do médio norte mato-grossense receberão postos de transformação para adequação da energia utilizada por elas – de média tensão para baixa tensão. A informação chegou ao vice-líder do Governo do Estado na Assembleia Legislativa, deputado Wagner Ramos (PR), por meio do Ofício nº 922/2012-GAB/SEDUC/SEE (14.05.12).

Nele, o secretário de Estado de Educação, Ságua Moraes, disse ainda que já foi realizada licitação para a escolha da empresa que vai fornecer os materiais necessários para a instalação dos equipamentos e executar os serviços. Os municípios beneficiados são, em ordem alfabética: Arenápolis, Barra do Bugres, Campo Novo do Parecis, Denise, Diamantino, Nova Olímpia, Sapezal, São José do Rio Claro e Tangará da Serra.

Nos próximos dias, a Seduc vai fazer novas licitações, neste caso para seis obras em Tangará. Uma delas é a reforma geral da Escola Estadual 13 de Maio. Também, a construção de três novas escolas: no Jardim Estádio, com oito salas de aula; no Altos do Tarumã, com 12 salas de aula e quadra poliesportiva coberta; e a terceira, também com 12 salas de aula e quadra poliesportiva coberta, em substituição ao prédio da EE João Batista.

A Seduc também realizou duas licitações, ainda em 2011, para contratação de empresa para outras duas obras em Tangará da Serra.  A primeira é a construção da Escola Estadual Antonio Hortolani com seis salas de aula, de informática, da administração e de professores, banheiros, cozinha e refeitório, entre outras instalações.

A segunda envolve reforma da cozinha, refeitório, banheiros e instalações hidrossanitárias e elétricas da Escola Estadual Bento Muniz, também em Tangará. “Essa é apenas uma parte das necessidades do médio norte no setor da Educação. Continuamos em negociação com o governo e temos certeza que ele vai avançar ainda mais nesse propósito”, disse convicto Wagner Ramos.

Fernando Leal – Assessoria de Gabinete

Nenhum comentário: